domingo, 27 de julho de 2008

Esperando uma decisão.


Nem sempre tudo o que eu digo faz sentindo.
Uma hora digo algo, logo depois me contradigo.
Meus sentimentos conseguem destruir tudo o que consegui superar, no momento em que eles me vencem.
Alguma célula, ou um conjunto delas, permanecem vivas aqui dentro.
E não há como matá-las.
Elas precisam morrer sozinhas.
E só cabe a mim, esperar que isso aconteça!

quinta-feira, 24 de julho de 2008

E a vida?




A vida...

'É um começar a cada dia e um terminar a cada noite.'
É passar por muitas experiências e absorvê-las da melhor forma.
É única.
É imprevisível.
É solidão.
É companhia.
É valorizar o por do sol ou deitar numa ponte e admirar uma noite estrelada.
É cada momento aproveitado ou desperdiçado.
É esperar por um desconhecido que pode não chegar.
É sorrir por coisas bobas.
É chorar por coisas fúteis, surpéfluas.
É perder algumas vezes.
É tomar banho gelado no inverno.
É tomar um sorvete numa noite fria.
É se arrumar para dormir e as 23:00 sair após um telefonema.
É esquecer de algumas pessoas.
É lembrar de outras.
É pular, gritar ou dançar de felicidade.
É crer num Ser Superior.
É viver num mundo doente e não se contaminar.
É visitar um orfanato.
É se perder ao som de uma música qualquer.
É ultrapassar barreiras.
É sentar em frente ao mar e apenas sentir a brisa.
É diferença.
É ter que aturar um som de um grilo na hora de dormir.
É não poder acreditar que o mundo é perfeito.
É perceber que o tempo passa.
É um abraço verdadeiro.
É sair escondido.
É conhecer novos ares.
É uma guerra de almofadas entre amigos.
É uma conversa desconexa.
É uma reconciliação.
É sair desse mundo por alguns instantes.
É prazer.
É amor próprio.
É saber doar-se por inteiro.
É ser um pouquinho infeliz e achar que esta tudo bem.
É escrever na areia da praia.
É descobrir que sua mãe é sua melhor amiga, e que ela te ama de verdade.
É errar.
É voltar a ser criança sempre.
É ter amigos que sempre estão ao seu lado.
É tocar flauta.
É andar de macaquinho na beira da praia no início da noite.
É saber dividir.
É estar ao lado de quem te faz bem.
É fazer o que tem desejo.
É ter limites.
É não saber explicar certas coisas.
É acordar transformada.
É querer e ter a capacidade de concretizar.

A vida é o que eu quero que ela seja.
A vida sou eu!
A vida é você!

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Edificando o meu amanhã!


Sem perceber, eu vou aos poucos desamarrando os laços antigos e criando no tempo certo novos laços.
Agora me sinto mais leve...
A certeza de que me dedicarei mais do que antes e com a intenção de que tudo dure o tempo necessário, esta sobressaltando.
É como se a única palavra "acabou" que perseverasse fosse a minha. Eu dei um fim nessa etapa da minha vida, e estou dando um começo a uma nova. De cabeça erguida e sem vontade de andar em marcha ré.
Histórias que sempre servirão como experiências.
Mas a vida sempre segue.
Não há nem início e nem fim de histórias que se passam quando permanecemos aqui. Tudo é uma ponte sem previsão de término.
Apenas existe o começo e o fim da vida. Pois são as únicas certezas que possuimos, a que nascemos e a que vamos morrer.
Viver bem é fácil, nós que dificultamos tudo. Ou outras pessoas dificultam a nossa jornada.
O que torna a vida interessante é o nosso poder de contruir e vivenciar cada dia de uma vez em busca do desconhecido.Só eu tenho o poder de edificar o meu amanhã.
A cada dia que passa mudo e felizmente tenho a impressão que pra melhor.

'Não se apegue a nada que não pode se apegar a você, pois com certeza você se dará mal!'

domingo, 13 de julho de 2008

Frases soltas.


•εïзQuem me faz cair,
Me faz aprender.
E cada vez que levanto;
Me levanto aiinda mais forte.
Pronto pra próxima.

•εïзConfiamos só em Deus, quanto aos outros?
Paguem a vista!

•εïзTudo o que chega, chega sempre por alguma razão...


•εïз Não: não quero nada. Já disse que não quero nada. Não me venham com conclusões! A única conclusão é morrer. Não me tragam estéticas! Não me falem em moral! Tirem-me daqui a metafí­sica! Não me apregoem sistemas completos, não me enfileirem conquistas...

•εïз Sossega, coração! Não desesperes!Talvez um dia, para além dos dias, encontres o que queres...

•εïзPor onde andei enquanto você me procurava?


Ultimamente tenho conseguido enxergar um lado do mundo que não conhecia.
Tenho conseguido colocar as coisas no lugar, com uma ajuda extremamente importante de uma pessoa que me ama muito, Minha Mãe!
Como ela é importante na minha vida!


sexta-feira, 11 de julho de 2008

Carta a uma amiga...


Quando mais precisei, você não esteve ao meu lado.
Aparência de solidão.
De abandono.
Pelo menos foi o que consegui enxergar.
Eu estou sofrendo tanto.
Chorei tanto.
Mas isso não vem ao caso.
Não sei que diabos pensava estar fazendo, só sei que precisava de você ao meu lado naquele momento, onde tudo parecia ruir sobre mim.
Você era meu porto.
Alguém que sempre confiei. Alguém que os pensamentos sempre significaram pra mim em dose multiplicada, do que apenas o que os outros possam pensar. Você é importante pra mim. Tudo que vem de sua boca, doe e significa um turbilhão de vezes mais, mas nem sempre pensamos da mesma forma. Nem sempre posso deixar de fazer o que quero por você!
Você precisa entender que na vida de qualquer pessoa minha amiga, existem segredos e se por acaso encobri algo que realmente achava que ja tinha conhecimento, é porque sabia qual era a sua vontande.
Não menti.
Não te trai.
Porém, eu precisava saber, eu necessitava pagar pra ver até onde aquela "loucura" me levaria, precisava ver se tinha futuro, se meu sentimento era verdadeiro e finalemente perceber que poderia ter feito tudo de um modo diferente, fato que o medo e a aparência de ausência de sentimento não deixou acontecer.
Eu não errei com você! Estou falando apenas por nós duas.
Estou pagando talvez, um preço alto demais, mas, eu tinha que passar por tudo isso e não me arrependo de muita coisa. Só não esperava que um ato errôneo meu, em relação a outras pessoas , abrisse um abismo entre nós. É a aparência que tenho agora.
Mas enfim, tudo na vida é aproveitado.
E isso me servirá pra muitas atitudes que poderei tomar daqui pra frente. Experiências nunca é demais.
Tudo aconteceu porque tinha que acontecer. E sei que tudo ficará bem, em seu tempo certo.
Não vou me lamentar pelo acontecido, até porque não quero me lamentar e não tenho razão de fazer isso.
Só fiquei triste.
Triste, porque hoje a pessoa que eu mais abomino, esta fazendo mais parte de sua vida do que eu, que semre estive ao seu lado, que sempote te ouvi e ao máximo tentei te compreender, que nunca pensei em te trair ou te magoar, que nunca fiz nada por interesse ou coisa parecida, que nunca te tratei com inveja... Alguém que te ama tanto, que o mínimode indiferença me faz sofrer muito.
Em compensação, Deus é bom. E houve reações que não sei de onde brotaram. Ela me apoiou tanto, que agora me arrependo de coração por não ter dividido tudo com ela desde o começo.
Ainda bem que ela esta comigo, porque tem sido ela que anda fazendo o seu papel.
Espero que tudo volte ao normal, porque não admito que nossa amizade seja destruída de uma maneira tão frágil.

terça-feira, 8 de julho de 2008

Pega de surpresa!


Ultimamente me jogaram num abismo que parecia não possuir fim.
Passei por "poucas e boas", pra não dizer o contrário.
O passado escondido a 7 chaves, veio a tona de uma forma tão explícita, que entrei em estado de choque.
Descobri de um modo tão desesperados, que segredos só existem entre você e você próprio, ou com você e outra pessoa muito confiável, que pense a mesma maneira que você e possa está se expondo se algo for descoberto.
Foi difícil perceber esse meu erro tão grave. Minha vida não deve ser um livro aberto aos 7 mundos. E é lastimável, que só tenha conseguido perceber isso agora.
Porém, é como sempre digo, as experiências são resultados de erros e acertos, então ainda há algo bom nessa história.
Também descobri que o que eu não quero que as pessoas saibam, eu devo não fazer, ou fazer de uma maneira muito, mais muito, muito discreta.E mesmo assim a primeira alternativa é mais segura.
A vida é engraçada, pessoas confiáveis se tornam cascáveis prontas para dar o bote a qualquer momento.
E mentia excessivamente, e se fazia de vítima o tempo todo, com o intuito de acabar com nossas vidas. Como descrevi a alguns posts atrás.
Mas enfim, tudo deu certo agora..
Quer dizer, quase tudo...
E outra coisa, certo para nós.
Pois, para o seu veneno eu tinha o antídoto, e é uma pena que a própria não possuisse esse bem.
E que agora, seja apenas digna de pena!

Ps.: Não poderia deixar de citar que a força Divina, me ajudou bastante nesses meu momentos de aflição. E que a Ele eu agradeço de todo o coração!