quinta-feira, 22 de maio de 2008

Crise de identidade!


Não consigo identificar o que sinto.
Amor...
Amizade...
Carinho...
Paixão...
São tantos sentimentos envolvidos. E isso me desespera a cada segundo vivido.
Não consigo demonstrar que mudei..
Por não admitir alguns atos alheios que julgo absurdo e sem nexo, me esforço ao máximo para não tomar certas atitudes. O que me vem acontecendo é que estou mudando de uma forma tão rápida, que quando me dou conta já mudei. Já faz algum tempo que tento esconder minhas mudanças, por achar que não faz sentindo, por pensar demais nas pessoas e decidir que elas já estão acostumadas com meu jeito de ser, minhas tolerâncias, meus atos... Não tenho direito de mudar tão de repente e excluir todos os limites que impus, que sempre aceitei... Estou vivenciando a verdadeira crise de identidade!
Estou chegando a conclusão que estou dando um valor supremo a alguns e esquecendo do que me faz bem, do que eu quero e não consigo possuir por isso.
Tento e não consigo falar... Por medo de está pedindo demais, por medo de estar me envolvendo de uma forma extrema na vida dos outros, e enquanto isso vivo sufocada, obrigada a viver da maneira que hoje, não é o meu objetivo.
Ciúmes..
Odeio ciúmes, o abomino.
Luto tanto pra não sentir e até um certo tempo me convencia que não o sentia.
Pois é..
Esse sentimento é mesquinho, absurdo...Como podemos nos sentir apropriados de um ser qualquer? Mas ao mesmo tempo, é como uma pequena luz oscilando no painel de um carro, demonstrando que algo está acontecendo, algo está diferente... Sempre tentando te alertar.
Há tantas coisas que tento encobrir, mas que no fundo sei que possuo, sei que não posso viver com a ausência de tal. Realmente não sei porque não ouço o que o mundo grita pra mim a cada instante. Não sei porque não aceito de vez e tento aprender a conviver com tudo que me é dado.
Assumo pra mim que tenho instintos..
Assumo pra mim tudo que foi citado acima.
Mas as vezes, só isso não basta.
Eu só preciso me auto-aceitar e poder expor isso sem medo das críticas.
Eu preciso voltar a ser como antes, caso não aceite o que me tornei!


Um comentário:

Vanessa Moreira disse...

Voce acha que essa pessoa que voce vem se tornando é a que deve manter ? M A N T E N H A.
Um frase que eu eu coloquei na minha cabeça : Pra mim é tudo ou nada.
Não aceite uma vida mais ou menos, um amor mais ou menos,nao fique feliz mais ou menos...
coloque pra fora seus pensamentos, eles são seu guia.
=*