Pular para o conteúdo principal

~'. Falta de afinidade ou pré-conceito?

As vezes acho engraçado como por apenas um ato, uma demonstração, um momento qualquer passamos a odiar ou a gostar de alguém.
Existem pessoas que não tem o  mínimo de afinidade, seja por qualquer motivo.
Por não ir com a cara mesmo, ou achar metida, ou achar que está dando em cima do seu namorado, ou ter ficado com um ficante seu, ou por ter se esbarrado com você algum dia e ter achado que foi de propósito, ou até mesmo por não ter dado lugar ao velhinho no ônibus.
Tudo é motivo pra gente pré-julgar as pessoas. Fato!
E um dia qualquer, por causa de uma palavra usada, um ato bondoso em relação a alguém, você ter acordado de bom humor ou qualquer outra coisa, você passa a olhá-la por outro ângulo, de um jeito melhor.
E assim começa a tirar aquela primeira impressão ruim que tinha dela.
Pra mim, aquele ditado que diz: "A primeira impressão é a que fica!", não passa de uma mentira deslavada, uma baboseira.
Muuitas e muitas vezes, ela não permanece mesmo.
Isso porque o ser humano está acostumado a pré-conceituar as pessoas, o danado do pré-conceito que não some nunca.
Tipo, duvido que alguém diria que esse cara tatuado visto andando pelas ruas, fosse um médico conceituado e bem sucedido na sua profissão.
Basta um ponto sequer, pra termos uma má impressão de alguém.
E quando eu falo assim, eu generalizo. Porque ninguém foge de ser assim.
Mas as vezes é bom sabe?
Quando esperamos o pior de alguém e recebemos algo melhor, é bem gratificante.
Pelo menos pra mim, adoro ser surpreendida!
As pessoas nem sempre são o que mostram ser, ou nem sempre são o que você enxerga!

Comentários

AmαndαLú. disse…
Disse tudo e mais um pouco =]
por isso sempre digo, não devemos julgar as pessoas sem antes conhece-las.
"Quem vê cara não vê coração!"
Beeijos :*
Michele disse…
Pois é Jacque... e são muitas as vezes em que as pessoas nos surpreendem. Por isso é que até conhecer bem alguém, fico mais quietinha, mais na minha! Observo muito, para só então, tirar minha conclusão!

Um beijo, querida!
Vanessa M. disse…
Eu acho que melhorei com esses pré-conceitos por já ter sentido muito isso na pele ( e ainda sinto).

Vamos dar uma chance ao outro pra ele mostrar quem é.

Beijão, amiga!


Obrigada pelo selinho, vou guardar no Essência com carinho. De verdade.

Postagens mais visitadas deste blog

~'. Meu amor...Mais um ano.

A dimensão da sua importância na minha vida é nítida, pra mim, pra você e pra todos que nos rodeiam.
Esse dia é muito especial pra mim, como sei que é mais que especial pra você também.
Não sabe como fico feliz, por mais um ano em sua vida.
Por mais 365 dias desfrutando ativamente de sua vida, e você da minha.
Espero que tenha aprendido ou que comece a entender, o que é importante pra você e o que não é nem tanto. Que aprenda a dar o verdadeiro valor na dose certa ao que você tem que dar valor.
Mais um ano de experiências, que espero que sejam bem aproveitadas e que realmente sejam chamadas de EXPERIÊNCIAS, que você possa ter aprendido e que apenas repita futuramente o que for bom e o que te traga sucesso.
Sucesso, esse eu te desejo aos montes. =)
Sonho em te ver formado, homem feito, feliz e bem sucedido.
E com um pouco de modéstia espero me ver ao seu lado, também formada, mulher feita, feliz ao seu lado e é claro, bem sucedida.

Que DEUS tire todas as pedras do seu caminho e sempre…

~'. O bendito do ciúme

~'. Ciúmes...
Esse sentimento precisa ser tratado, lapidado e quando alguém descobrir como se faz isso por favor, me avisa!
A mulher precisa ter segurança, de se sentir a dona da situação.
Os homens acham que só pelo fato de estar namorando, casado ou em algum relacionamento, já provou pra ela que pode ter toda a segurança do mundo.
Mas esquecem que mulher precisa se sentir segura sempre e sempre.
Precisa se sentir amada, precisa ouvir que é amada.
Odeio ciúmes, odeio de todo meu coração.
E me revolto com quem me faz sentir esse troço que só traz dor.
Como eu li um dia desses: " Homem tolo é aquele que faz sua mulher sentir ciúmes, homem sábio é aquele que faz sua mulher ser invejada..."
E disso, eu tenho certeza!

Sim...

~'. Eu amo. É aquele sentimento intenso que me preenche nos dias de chuva, desânimo e tristeza. Nos dias de SOL, coragem e alegria. Ele me preenche sempre, desde o dia que tive certeza que era amor. Passou a ser mais intenso, quando concluí que era recíproco. E é essa tal de reciprocidade que amplifica esse turbilhão de emoções que sinto cada vez que te lembro, que te vejo, que te beijo, que te amo... Eu amo sim.